O segredo da Felicidade

Cuspido por Sbrabues sexta-feira, 19 de novembro de 2010 10 enxeções de saco



"Olá criançadaaaaa, o Sbrabues chegooooou,
trazendo alegria, pra você que nos visitou!"

Já era hora de eu voltar aqui para alegrar seu dia pois tudo que é bom acaba mas volta!
La music de hoje é particularmente especial, eu sei que muitos não gostam, mas o Blog é meu e eu gosto e to nem aí pra quem não gosta. Ira na cara de vocês.



Qual a fórmula da Coca-Cola?
O que é amor?
Qual é o segredo das mulheres?

Realmente eu não posso falar isso aqui no SV mesmo porque eu não sei nenhum desses segredos. Mas tem um outro segredo que muita gente daria a mãe para saber.

                                                   O segredo da FELICIDADE!

Existem coisas que nós somos incapazes de descrever perfeitamente, mas sabemos o que é. Amor, Liberdade, Felicidade...

O que seria felicidade? Essa é uma pergunta muito boa porque provavelmente muita gente vai se enganar na própria resposta. Como assim? Pra você entender melhor essa frase esquisita vou lhe contar o que houve comigo hoje.
Eu estava tendo aula de Sociologia mais cedo, entretanto o Professor quis fazer uma dinâmica. Era para nós recortar-mos uma folha em oito pedaços e escrever em cada pedaço algumas coisas.( Nome de pessoas, um objeto muito importante para nós, um sentimento, um lugar, um sonho, etc) Depois nós iríamos para um lugar viver o resto de nossas vidas com essas coisas e ao longo do caminho você teria que deixar algumas coisas.
Mas o que pensei foi diferente. Vamos supor que eu vá para esse lugar com tudo, ÓTIMO. Vou viver o resto de minha vida com todas essas coisas. Algumas coisas que eu considerei foi: andar de patins, Jericoacoara, meu pai, minha mãe, compaixão, fazer minha família feliz, blábláblá OK. Eu vou passar o resto da minha vida com as melhores coisas que existem para mim. Isso é ser feliz?
60 anos de vida com meu pai, minha mãe, fazendo minha família feliz com muita compaixão, andando de patins por Jericoacoara e blábláblá. Será que eu seria feliz? Será que para eu alcançar a felicidade eu teria que fazer tudo isso? Ou melhor...APENAS isso?

Se você mora em Brasília ou entorno, provavelmente já passou pela calçada que liga o CONIC com o Conjunto Nacional. Esta calçada é bastante movimentada pois se encontra dentro de um triângulo de formigueiros de pessoas. Esta na frente da Rodoviária, e entre o Conic e o Conjunto Nacional como já foi dito (e esse triângulo fica no meio de 1000 prédios comerciais).



 Se você tem um pouco de vivência já pode supor que esta calçada na hora do rush é o CÃO CHUPANDO MANGA.





Nesta calçada especificamente tem uma figura (pessoa) pra quem eu tiro o meu chapéu.
Um senhor de aproximadamente 68 anos de vida, sem as duas pernas, banguelo e passa o dia inteiro tocando pandeiro e pedindo esmola. Mesmo ele tendo uma vida péssima (suponho) e não tendo nada, ele sorri em um dia mais do que você sorri em um ano inteiro. SIM SEU INFELIZ, ele passa o tempo inteiro sorrindo, cantando e zombando do pessoal que passa na frente dele.
Certa vez eu estava indo para o Conic com o Ramelão e passamos  na frente deste homem. quem conhece o Ramelão já sabe que o alvo da chacota foi ele.

-"EEEEEEEETAA, mais isso é homem ou mulher? Na minha época homi tinha era cabelo curtin!"
Lógico que não foi com essas palvaras, mas foi basicamente isso. Se fosse um moleque com jeans laranja e cabelo de chapinha, nós nos irritaríamos. Entretanto nós rimos, e muito! Até cumprimentamos o homem. É motivo de se alegrar ver um homem que tem mais motivos para ser infeliz que todos os seguidores desse blog, feliz da vida desse jeito. Se você olhar para esse cara e ele demorar mais de 10 segundos pra dar um sorriso e falar com você eu te dou uma balinha.

Quem é mais feliz? Eu com meus 8 desejos ou o homem sem pernas, sem dentes com um pandeiro e um chapéu rasgado?

OKOK Sbrabues, mas como eu faço para ser feliz? Corto minhas pernas fora? Qual o segredo da felicidade?
Meu pai tem mania de puxar assunto com todo mundo, e uma forma de puxar assunto é assim:
-"Eai? Feliz?"
As respostas são diversas, mas teve um cara que disse assim:
-"Sim, só não estou mais feliz porque não quero!"

Já reparou que a felicidade não se compra, nem se conquista, nem se cultiva?
A felicidade se ES-CO-LHE. Isso mesmo. Você só é feliz, se você quiser. É uma decisão e pronto.

Não se lamente por não ser feliz, mas sim por se considerar infeliz.

Faça a escolha certa. SEJA FELIZ!


10 enxeções de saco:

Lidianne Carvalho disse...

kkk
essa calçada é um horror. Conic 18h nem pensar.
Parabens pelo BLog.

Anônimo disse...

Muito bom! parabens pelo post!

Мιℓℓα RוЪεוяσ disse...

Adorei seu post sbrabues.
é verdade ser feliz é questão de escolha.. quando o dia tá melancolico eu escolho passá-lo triste.Mas é claro que tem um jeito de ser mais feliz do que o normal. e nós dois sabemos como.

Carolina disse...

poxa.. embasbaquei-me agora com esse post. Lindo, sr sbrabues!! (cara que estranho escrever isso.. sr sbrabues.. mas enfim)Parabéns!

ps: ri LITROS na parte das calças coloridas (não me pergunte porquê.. mas eu ri)

Anônimo disse...

A tristeza se encaixa nos mesmos padrões da alegria. Para ser triste, infeliz, ou feliz, basta apenas escolher. Não depende de mais nada.

Sbrabues disse...

Estou curioso pra chuchu,
então me diga...
anônimo, quem és tu?

Anônimo disse...

Segundo anônimo: sou mais conhecida por vocês por ser namorada do Sr. Smurf.

Ps: fiquei realmente pensando se foi a mim que você tinha se referido (se não for, você finge que sim.)

Sbrabues disse...

HMMMMMMMMMMMMMMMMMMMM, então temos outro anônimo aqui. precisa ficar no anonimato não namorada do Sr. Smurf, pode se revelar. Agora só falta saber quem era o anonimo do Nostradamus!

Sr. Smurf disse...

HAHhhahah, vai caçar cada anônimo, Sbrabues? talvez ele tenha um bom motivo para continuar no anônimato.

Anônimo disse...

No fim, vivemos de escolhas.